Aguarde
Opinião dos Consumidores:0(Avaliações)
Laranja Mecânica
Clássico eterno da ficção científica, Laranja Mecânica é um verdadeiro marco na história da cultura pop e da literatura distópica. Narrada pelo protagonista, o adolescente Alex, esta brilhante e perturbadora história cria uma sociedade futurista em que a violência atinge proporções gigantescas e provoca uma reposta igualmente agressiva de um governo totalitário.
Comprar

Por: R$ 39,90

Preço à vista: R$ 39,90

Mais formas de pagamentoAdicionar a lista de desejosAdicionar ao carrinho
Opções de Parcelamento:
  • à vista R$ 39,90
Outras formas de pagamento

Vídeo

Sobre o Livro

Clássico eterno da ficção científica, Laranja Mecânica é um verdadeiro marco na história da cultura pop e da literatura distópica. Narrada pelo protagonista, o adolescente Alex, esta brilhante e perturbadora história cria uma sociedade futurista em que a violência atinge proporções gigantescas e provoca uma resposta igualmente agressiva de um governo totalitário.



A estranha linguagem utilizada por Alex, conhecida como Nadsat, merece destaque na obra, criada pelo próprio Burgess, fornece ao romance uma dimensão quase lírica.



A trama, que conta a história da violenta gangue de adolescentes que sai às ruas buscando divertimento de uma maneira um tanto controversa, incita profundas reflexões sobre temas atemporais, como o conceito de liberdade, a violência – seja ela social física ou psicológica – e os limites da relação entre o Estado e o Individuo.



Ao lado de 1984, de George Orwell, e Admirável Mundo Novo, de Aldous Huxley, Laranja Mecânica é um dos ícones literários da alienação pós-industrial que caracterizou o século 20. Adaptado com maestria para o cinema em 1972 por Stanley Kubrick é uma obra marcante: depois da sua leitura, você jamais será o mesmo.

Características

SubcategoriasFicção Científica, Clássicos, Cinema, Distopia

Ficha Técnica

Tradutor (a)Fábio Fernandes
Edição
Ano2015
Páginas200
AcabamentoBrochura
Peso0,250kg
ISBN9788576570035
TipoLivro
Formato14x21cm

Adicionais

Trecho do Livrowww.editoraaleph.com.br/informativo/laranja/Trecho_Laranja.pdf
EdReviews
  • “É uma história horrorshow, que vai te fazer smekar feito um bizumni ou trará vetustas lágrimas a seus glazis."



    – Alex Delarge



  • “O filme que Stanley Kubrick dirigiu em 1971 é brilhante, mas o original de Burgess é ainda mais devastador.”



    – Playboy



  • “Um romance brilhante... uma sátira selvagem das distorções das mentes individuais e coletivas."



    – The New York Times
  • Video




    CÁPSULA - Laranja Mecânica,
    de Anthony Burgess





    Mais de cinquenta anos depois de seu lançamento, a perturbadora história de Alex, membro de uma gangue de adolescentes, que é capturado pelo Estado e submetido a uma terapia de condicionamento social, continua fascinando e desconcertando leitores mundo afora.

    Autor

    Nome do AutorAnthony Burgess
    Resumo do Autor



    Anthony
    Burgess







    Nome completo
    John Anthony Burgess Wilson




    Nascimento
    Reino Unido, 25.02.1917




    Morte
    22.11.1993




    Gêneros literários



    Ficção Científica



    Ficção Histórica



    Biografias



    Trabalho Notável



    Laranja Mecânica




    Anthony Burgess nasceu em Manchester, Inglaterra, em 1917. Formou-se em Literatura Inglesa pela Universidade de Manchester, serviu no Exército e, entre 1954 e 1960, trabalhou como professor junto ao Serviço Colonial britânico na Malásia. Ao retornar à terra natal, recebeu a notícia de que tinha um tumor no cérebro. Desenganado, Burgess passou a escrever intensamente para garantir o sustento da esposa após sua morte. Foi nesse período que concebeu Laranja Mecânica (1962). Mas o diagnóstico estava errado, e o autor viveu até os 76 anos.




    Ao morrer, em 1993, Burgess deixou uma grande obra em quantidade e qualidade, entre romances, peças de teatro (inclusive uma adaptação de Laranja Mecânica em versão musical), estudos literários e roteiros de cinema e TV. A fusão de linguagens e idiomas para a criação de novos dialetos também é uma característica marcante de seu trabalho, sendo o nadsat – mescla gírias de gangues inglesas e palavras do idioma russo que deu vida a Alex e seus druguis – seu legado mais conhecido e até hoje revisitado.




    Sobre o Autor

    Outros títulos do autor


    Reviews

      Opinião dos leitores

      Voltar para o topo da página

      Newsletter

      Fechar

      Olá, terráqueo! Cadastre-se para receber as novidades e promoções da Aleph